TRÊS LAGOAS RECEBE OFICINAS TEATRAIS PARA ATORES E NÃO ATORES DE MÁSCARA NEUTRA E DE MÁSCARA EXPRESSIVA

Oficinas com a Atriz, Diretora, Pesquisadora Teatral, Juliana Calligaris de Campinas/SP ocorrerá neste mês de julho durante quatro dias
Imagem: Juliana Calligaris irá idealizar neste mês em Três Lagaos duas oficinas formativas na área teatral.
De 25 (vinte cinco) a 28 (vinte e oito) de julho, quinta à domingo, acontece em Três Lagoas, no Galpão da N.O.B. – Antiga Estação Ferroviária, a partir dás 14h, duas Oficinas formativas destinadas para atores e não atores do município: TÉCNICAS DE MÁSCARA NEUTRA: Composição Cênica. Improvisação. Interpretação – “O Desmascaramento do Ator pela Via da Máscara Neutra”, e de MÁSCARA EXPRESSIVA: O Silêncio da Máscara e a Persona que Fala – “Técnicas de Máscara Expressiva e Semi-Expressiva: Composição Cênica. Improvisação. Interpretação” que serão ministradas por uma profissional da área cênica, de Campinas/SP, numa parceria entre a Assessora e o Grupo de Teatro Identidade, e com o apoio da Prefeitura de Três Lagoas, através do Departamento de Cultura e da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, que tem por objetivo de despojar o ator de vícios cênicos, oferecendo instrumentos para uma compreensão da própria corporeidade e fisicalidade, individualmente e em coletivo. A pesquisa começa com exercícios pré-expressivos, que levarão à expressividade exigida pelo teatro, culminando num exercício cênico que poderá ser apresentado ao público.
Imagem: Juliana Calligaris
 Serão oferecidas até 30 Vagas – para cada oficina. Os interessados, em participar das respectivas atividades formativas, deverão se inscrever no Departamento de Cultura de Três Lagoas, “Espaço Identidade”, a partir do dia 15 de julho, das 7h às 11h e das 13h às 17h, atentos para o limite de vagas. Cada inscrito receberá as apostilas de estudos: “Antropologia Teatral” de Eugênio Barba e outro sobre “Comédia Dell’Arte”, que deverão ser lidas antes da realização das oficinas. Também será exigido aos participantes/inscritos que assistam dois filmes italianos chamados: “As viagens do Capitão Tornado” e “O Incrível Exercito de Brancaleone”, que serão exibidos no Anfiteatro da UFMS – Unidade I, na terça-feira, 23 de junho, às 18h.
As Máscaras constituem uma linguagem pré-expressiva que conduz à expressividade, e o teatro, ao apropriar-se dela, desenvolveu uma determinada metodologia de trabalho, e para o ator e a cena, através de códigos precisos
A Máscara Neutra é um grande instrumento para desenvolver tecnicamente os trabalhos físicos e de escuta tempo-ritmica e o trabalho intuitivo, através da ação de um corpo vivo e presente muscular, ósseo e intelectualmente. Conhecida como a primeira de todas as máscaras, a máscara neutra abre o caminho para o ingresso à linguagem da máscara expressiva na cena teatral.
A Máscara Expressiva é um grande instrumento para desenvolver tecnicamente os trabalhos físicos, de escuta tempo-ritmica e o trabalho intuitivo, através da ação de um corpo vivo e presente, muscular, ósseo e intelectualmente. Conhecida como uma segunda etapa após a utilização da Máscara Neutra e Semi-Neutra, abre o caminho para o ingresso ao sistema ainda mais depurado da tradução bio-mecânico-emocional do que seja a expressividade expandida do ator.
Imagem: Juliana Calligaris.
As atividades formativas serão ministradas pela Artista Teatral, Juliana Calligaris, que é Mestre em Linguística e Teatro pela UNICAMP. Cursou Filosofia e formou-se em Artes Cênicas pela UNICAMP, com pós-graduação em Simbologia Teatral pela ECA – USP. Atriz, professora, diretora e pesquisadora teatral desde 1991, quando fundou o Grupo Trilhas da Arte – Pesquisas Cênicas/ Cia. “e Liga” de Teatro. Atualmente dirige o espetáculo com temática indígena “O Pequeno Senhor do Tempo”, de Raphael Júdice. Dirige o novo espetáculo da Cia. da Casa Amarela, “Ana Luz”, baseado no conto “A Pequena Vendedora de Fósforos” de Hans Christian Andersen e na obra de João Guimarães Rosa. Dirige e atua no espetáculo solo “Janela Sobre Uma Mulher – I”, baseado na antropologia teatral de Eugenio Barba.
A artista é colaboradora no cenário Artístico de Três Lagoas desde 2011, quando neste ano começou a acompanhar a programação do evento “Semana Cultural – MS EM CENA” como debatedora, sendo que a mesma também cooperou com este mesmo em evento no ano anterior, em 2012, como membro Comissão de Seleção e novamente como debatedora.
Imagem: Juliana Calligaris com  elenco do Espetáculo "Igreja do Diabo" e equipe, durante o Evento "Semana Cultural - MS EM CENA - 6.ª Representação" em novembro de 2012.
Serviços:
OFICINA:
TÉCNICAS DE MÁSCARA NEUTRA: Composição Cênica. Improvisação. Interpretação – “O Desmascaramento do Ator pela Via da Máscara Neutra”
DATA: 25 e 26 de Julho de 2013, Quinta e Sexta.
HORÁRIO: 14h às 20h
MINISTRANTE: Juliana Calligaris (Campinas/SP)
LOCAL: Galpão da N.O.B. – Antiga Estação Ferroviária
PÚBLICO ALVO: Pessoas com interesse em Artes Cênicas
VAGAS: Para até 30 pessoas

OFICINA:
MÁSCARA EXPRESSIVA: O Silêncio da Máscara e a Persona que Fala – “Técnicas de Máscara Expressiva e Semi-Expressiva: Composição Cênica. Improvisação. Interpretação”
DATA: 27 e 28 de Julho de 2013, Sábado e Domingo.
HORÁRIOS: 27 – sábado: das 14h as 20h
28 – domingo: das 12h as 17h30min
MINISTRANTE: Juliana Calligaris (Campinas/SP)
LOCAL: Galpão da N.O.B. – Antiga Estação Ferroviária
PÚBLICO ALVO: Pessoas com interesse em Artes Cênicas
VAGAS: Para até 30 pessoas

Imagem: Juliana Calligaris.
Três Lagoas/MS, 15 de julho de 2013
Informações: Três Lagoas: 67-3929-1133 Ramal 223 / 9988-5148 / 9151-0008

http://www.teatro.identidade.blogspot.com/

Um comentário: